Alunos de Psicologia participam de aula prática com o tema do jogo “Baleia Azul”

OK - Aula Baleia Azul PSI - 05052017 (150)Com uma atividade prática, os alunos do curso de Psicologia do 5º semestre participaram de uma aula de sociodrama abordando o tema Baleia Azul, uma pauta socialmente conhecida. A aula aconteceu dia 05 de maio, sob a supervisão e técnicas do professor Dr. Ricardo Castro, na disciplina Processos Grupais e Relações Interpessoais, ministrada pela docente Giselli Enes.

A aula tinha o objetivo de apresentar a metodologia do sociodrama, que seria uma atividade prática de investigação pessoal ou em grupos, tendo também como meta ampliar a possibilidade do aluno de trabalhar com temas sociais em um grande grupo.

Durante a aula os estudantes se reuniram em uma roda, onde interagiam entre si, replicando com o colega ao lado todo o processo terapêutico que o professor mostrava. “Nós pegamos o tema do jogo da Baleia Azul, que é um tema atual e que todo mundo busca discutir”, explica o docente responsável pela ação.

Segundo ele, durante a dramatização foi possível aos alunos, enxergar uma das soluções possível para ajudar em casos como esse, que seria a conversa entra as crianças e adolescentes que já estão participando do jogo.

Para o professor Ricardo, a aula pôde mostrar o papel da psicologia frente ao jogo, o que o desafio está produzindo e provocando na sociedade e como o psicólogo pode contribuir. Ele explica que o grupo chegou à conclusão de que o profissional da psicologia pode ajudar em tal tema ao trabalhar com um grupo de adolescentes de forma honesta e franca, pois essa forma de abordagem com o adolescente é mais eficaz.

ORGANIZAÇÕES

Atualmente existem ONG’s que buscam ajudar pessoas que estejam participando do jogo, utilizando o conhecimento de profissionais voluntários do ramo, sendo o professor Ricardo um dos inscritos para auxiliar em tal atendimento. Ele explica que essas ONG’s auxiliam os adolescentes que se sentem sozinhos e acham que não tem a quem buscar ajuda.

PROFESSORES FAJ

Além do professor Ricardo, a docente da instituição, Luciana Gomes Almeida de Souza, realizou uma entrevista sobre um dos casos que aconteceu na região, e explica que é um tema bastante polêmico, mas que deve ser tratado pelos familiares, sendo de extrema importância.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s