Dia do Enfermeiro é comemorado na FAJ

OK - Seminário de Enfermagem - 12052017 (86)Em comemoração ao Dia do Enfermeiro, em 12 de maio, os alunos do curso do Centro Universitário de Jaguariúna – FAJ promoveram um seminário que contou com a palestra da enfermeira Rafaela Batista dos Santos Pedrosa e exposição de trabalhos dos alunos do primeiro semestre, no hall do anfiteatro do campus II.

No início da noite, estudantes de todos os semestres de Enfermagem puderam conhecer um pouco mais sobre a trajetória de carreira de sete profissionais importantes para a história da área, como a Florence Nightingale que foi a percursora da Enfermagem Moderna, Wanda Horta introdutora dos conceitos do Processo de Enfermagem nos estudos e a Hildegare E. Peplau que inseriu um novo paradigma na enfermagem centrado nas relações interpessoais.

Na sequência, sob o tema “O Papel do Enfermeiro no Processo do Doador de Órgãos”, a especialista em Cardiologia e mestre em Ciências da Saúde, buscou por meio da apresentação passar seus conhecimentos sobre o assunto já que, segundo Rafaela, não integra a grade curricular de grande parte das universidades do país. “É um assunto novo e um campo de trabalho muito rico para o enfermeiro, mas que poucos conhecem. Falar disso é importante, primeiro para instigar a doação de órgãos e segundo para que eles conheçam qual a nossa função enquanto enfermeiros”, frisa.

De forma informal, Rafaela deixou o espaço aberto para perguntas, afirmando que estava ali não só para ensinar, mas para aprender com os alunos. “Será uma troca de conhecimentos porque eu costumo dizer que o professor nunca é detentor do conhecimento pleno, nós ainda estamos em construção”.

Os conceitos técnicos também foram passados aos futuros enfermeiros, como o que é a morte encefálica, caracterizada por uma parada total e irreversível da função encefálica, ou seja, uma pessoa viva possui um fluxo cerebral já o paciente em morte encefálica não tem. A profissional que integra a Enfermaria Geral de Adulto no Hospital das Clínicas da UNICAMP, apresentou dados aos estudantes onde as principais causas de mortes encefálicas atualmente no mundo é a vascular e o traumatismo crânio encefálico.

A coordenadora do curso, professora Celene Aparecida Audi Ferrari, parabenizou os alunos pelos trabalhos teóricos apresentados e o terceiro semestre do curso por trazer o tema de doação de órgãos. A colaboradora FAJ também adiantou para os presentes, que a instituição pretende implantar no próximo semestre um curso de extensão voltado aos enfermeiros e no ano seguinte uma pós-graduação.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s